PAI... Pode ser novo, pode ser velho; Pode ser branco, negro ou amarelo;Pode ser tanta coisa ou simplesmente PAI



Pode ser novo, pode ser velho;
Pode ser branco, negro ou amarelo;
Pode ser rico ou pobre;
Pode ser solteiro, casado, viúvo ou divorciado;
Pode ser feliz ou infeliz;
Pode estar aqui ou já ter ido embora;
Pode ter tido filhos ou adotado-os;
Pode ter casa ou morar na rua;
Pode usar terno ou tanga;
Pode ser Deus ou humano;
Pode estar trabalhando ou desempregado;
Pode ser tanta coisa ou simplesmente PAI.
 
Mas todos, sem faltar um sequer, 
fazem parte da Criação.

 Que não só hoje,
mas em todos os dias desta vida
possam ser lembrados como aquele que:
muitas vezes não dormiu,
muitas vezes ficou pensando
na comida para levar para casa,
muitas vezes engoliu sapos,
muitas vezes chorou escondido,
muitas vezes gargalhou,
muitas vezes perdeu a hora,
mas nunca deixou de pensar
na coisa mais importante da sua vida:
NÓS!!!!




.:***:..:***:..:***:..:***:.


AUTOR DESCONHECIDO
Se você souber de quem é a autoria deste texto peço a gentileza de
me comunicar por email para que seja dado o devido crédito
paixaoeternura@terra.com.br

 

 




Adicione "Paixão e Ternura" aos seus Favoritos




 

 
    
Página atualizada em 11/07/2010
 

.:***:..:***:..:***:..:***:.

PAIXÃO E TERNURA By Terê Paetê

Todos os direitos reservados. All rights reserved.


Stationery by Tineke

http://www.paixaoeternura.com