INSTANTES*
 

By Ram Dass
 

Se eu pudesse viver novamente a minha vida, 
na próxima trataria de cometer mais erros.

Não tentaria ser tão perfeito, relaxaria mais.
Seria mais tolo ainda do que tenho sido,
na verdade bem poucas coisas  levaria a sério.

Seria menos higiênico.
Correria mais riscos, viajaria mais,
contemplaria mais entardeceres,
subiria mais montanhas, nadaria mais rios.
Iria a mais lugares onde nunca fui,
tomaria mais sorvetes e menos lentilha,
teria mais problemas reais e menos imaginários.

Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata e produtivamente cada minuto da sua vida;
claro que tive momentos de alegria.

Mas, se pudesse voltar a viver, trataria de 
ter somente bons momentos.

Porque, se não sabem, disso é feita a vida,
só de momentos, 
portanto, nunca percas o "agora".

Eu era um desses que nunca ia a parte alguma 
sem um termômetro, uma bolsa de água quente, 
um guarda-chuva e um para-quedas;
se voltasse a viver, viajaria mais leve.

Se eu pudesse voltar a viver, começaria a 
andar descalço no começo da primavera 
e continuaria assim até o fim do outono.

Daria mais voltas na minha rua, 
contemplaria mais amanheceres
e brincaria com mais crianças,
se tivesse outra vez uma vida pela frente.

Mas, já viram, 
tenho 85 anos e sei que estou morrendo.
         


 
Ram Dass

®Direitos Autorais Reservados ao Autor©



*Nota do site

O texto "INSTANTES", na forma como se encontra, foi extraído de uma revista de bordo, em 1990/91, não mencionando o autor da tradução, e a mensagem nele contida me tocou tão profundamente que, desde então, tem norteado muitas de minhas ações diante da vida.

Em 2005, através deste site, recebi email rico em detalhes, do Sr. Bonifácio B. Tozetti, contendo o texto original e sua tradução que, entretanto, difere um pouco desta, apesar de me parecer mais fiel ao original de Ram Dass.

Como não cabe a mim questionar qual é a verdadeira tradução do texto original, e a proposta do site é apenas apresentar mensagens de conteúdo positivo, coloco as duas à disposição de todos.
Esta, "INSTANTES", é uma delas e a segunda, formatada em outra página, é:
 "SE EU PUDESSE VIVER MINHA VIDA DE NOVO".

Terezinha Rodrigues (Terê Paetê)


 
  

   
       
   
Adicione "Paixão e Ternura" aos seus Favoritos
   
    
  

  
 
Página editada em 22/02/2003

Atualizada em  06/01/2006


 

  
 
PAIXÃO E TERNURA By Terê Paetê

Todos os direitos reservados. All rights reserved.

Gráfico: Stationery by Tineke
adaptado por Terê Paetê  

http://www.paixaoeternura.com