SILÊNCIO

By Fátima Irene Pinto

Silêncio


Silêncio do riso abafado
Do canto chorado
Do choro contido

Silêncio do beijo negado
Do amor abortado
Assim sem aviso

Silêncio dos sonhos sonhados
Tão dilacerados
E por fim esquecidos


Silêncio da aridez permanente
Que trinca meu chão
De maneira pungente

Silêncio do calado tormento
Que se instala nas fibras
Do meu pensamento

Silêncio das asas caídas
Que me fazem prisioneira
Do ponto de partida


Silêncio do abismo que separa
Aquilo que sou do que quisera eu ser
Se me fora dado escolher

Silêncio eternamente sublimado
Do não manifesto pedido de amor
Que me permita ao menos uma sobrevida

Silêncio enfim
Da criança perdida
Vivendo no meio de gente crescida

Silêncio...



Do livro "MOMENTOS CATÁRTICOS" de Fátima Irene Pinto

Veja outras obras da autora em seu site:  www.fatimairene.com

Envie esta mensagem para alguém especial!

Click no coração abaixo



  
    
Adicione "Paixão e Ternura" aos seus Favoritos

      .

       

Página editada em 21/02/2003

Atualizada em  06/01/2006

.


PAIXÃO E TERNURA By Terê Paetê

Todos os direitos reservados. All rights reserved.

 http://www.paixaoeternura.com